SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.3 issue1Systemic sclerosis: clinical presentation and therapeutic management: experience from a systemic disease network.Granulocyte Colony-Stimulating Growth Factor complementary treatment in chronic wounds. Report of two cases. author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Revista Uruguaya de Medicina Interna

Print version ISSN 2393-6797On-line version ISSN 2393-6797

Abstract

CECILIA, Cecilia et al. Avaliação da qualidade dos cuidados e do nível de satisfação dos pacientes atendidos em uma Unidade de Ensino Assistido de Mastologia do Hospital de Clínicas "Dr. Manuel Quintela". Rev. Urug. Med. Int. [online]. 2018, vol.3, n.1, pp.23-29. ISSN 2393-6797.  http://dx.doi.org/10.26445/rmu.3.1.3.

Introdução:

Nos últimos anos, tornou-se muito importante avaliar a satisfação dos usuários com serviços de saúde, o que está significativamente associado aos resultados obtidos em saúde. A satisfação do paciente desempenha um papel importante na manutenção do uso dos serviços de saúde, na continuidade da relação médico-paciente e na adesão aos tratamentos indicados.

Objetivos:

Conhecer o grau de satisfação expressado pelos pacientes atendidos na Unidade de Assistência de Ensino de Mastologia do Hospital de Clínicas e identificar os aspectos a serem melhorados. Material e métodos Estudo prospectivo, aprovado pelo comitê de ética do Hospital de Clínicas, no qual foi aplicada uma pesquisa de satisfação anônima com 13 perguntas fechadas e uma aberta e dados coletados sobre a idade eo tipo de tratamento oncológico recebido.

Resultados:

Foram entrevistados 91 pacientes que participaram da consulta em um período de dois meses. As respostas mostram um alto grau de satisfação do paciente com a assistência geral recebida, com uma pontuação média de 3,26 (IC 95% 3,18-3,34) (intervalo: 1: pobre; 5: excelente), sendo este resultado independente da faixa etária e o tipo de tratamento contra o câncer recebido. No entanto, 38,5% dos pacientes que trabalham pensam que não poderiam discutir o impacto da doença em seus trabalhos (média 1,82, IC 95%: 1,66-1,97) (intervalo 0: nenhum; tanto quanto eu queria) e 27% do total de entrevistados pensam que não poderiam discutir o impacto que sua doença teve em suas atividades diárias (média 2.13 IC 95% 2.12 - 2.14) (intervalo: 0: nada ; 3: sim, tanto quanto eu queria) ou em seus relacionamentos pessoais (27; 30%, média 2,0 IC 95% 1,93-2,2) (classificação: 0: nada; 3: sim, tanto quanto eu queria).

Conclusões:

A pontuação geral é muito satisfatória, com dimensões que devem ser melhoradas com maior ênfase na comunicação sobre o impacto da doença nas atividades diárias, nas relações pessoais e no trabalho. Consideramos importante implementar avaliações periódicas da qualidade dos cuidados que nos permitem comparar os resultados e desenvolver um processo de melhoria contínua.

Keywords : pesquisas; satisfação; câncer de mama.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )