SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 número2Formación afectiva en la educación parvularia de ChileEl concepto de debate emergente como recurso para la inclusión de competencias interculturales en la formación inicial docente en Chile índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Links relacionados

Compartir


Cuadernos de Investigación Educativa

versión impresa ISSN 1510-2432versión On-line ISSN 1688-9304

Resumen

MORENO, Jacqueline Elizabet  y  CHIECHER, Analía Claudia. ABANDONO EM CURSOS DE ENGENHARIA. Uma análise de aspectos acadêmicos, sociodemográficos, trabalhistas e vitais. Cuad. Investig. Educ. [online]. 2019, vol.10, n.2, pp.73-90.  Epub 01-Dic-2019. ISSN 1510-2432.  http://dx.doi.org/10.18861/cied.2019.10.2.2908.

A pesquisa apresentada nesse artigo propõe reconstruir retrospectivamente as trajetórias acadêmicas de uma coorte de estudantes de engenharia contatados cinco anos após ingressar na universidade. Em ocasião da pesquisa, verificou-se que metade da coorte havia abandonado a escola no decorrer de cinco anos após a admissão. Interessa nesse artigo focalizar um grupo de sujeitos que abandonaram os estudos e analisar as implicações que em suas trajetórias tiveram aspectos relacionados ao contexto familiar, trajetória de trabalho e história de vida dos sujeitos, além dos motivos do abandono.

Um total de 80 indivíduos compõem o grupo daqueles que iniciaram um curso de engenharia e o abandonaram no decorrer de 5 anos. Os dados sociodemográficos do grupo total estão disponíveis, inclusos 18 indivíduos desse grupo com os quais foi possível entrar em contato e administrar um levantamento longitudinal da reconstrução de trajetória e uma entrevista semiestruturada. Os resultados mais relevantes mostram que, quanto aos aspectos sociodemográficos, a maioria dos sujeitos chegou de outros locais para iniciar os estudos universitários, sendo que seus pais tiveram acesso a baixos níveis de escolaridade. Em relação à situação de emprego, o percentual de estudantes que relatou trabalhar e estudar em paralelo não é majoritário, porém, observa-se que, em algumas ocasiões, o momento do início das atividades de trabalho coincide com o do início dos estudos universitários.

Finalmente, os eventos vitais que os alunos consideraram influentes em suas trajetórias educacionais são variados. No entanto, aprofundando os motivos que levaram esses jovens a abandonar seus estudos, constatamos que a maioria atribui o abandono a aspectos relacionados à escolha profissional e a dificuldades na ordem acadêmica.

Palabras clave : trajetórias acadêmicas; abandono; características sociodemográficas; família; trajetória de trabalho; acontecimentos vitais.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )