SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.89 número5Urticaria y anafilaxia en un Departamento de Emergencia Pediátrica de referencia en Uruguay: estudio clínico y epidemiológicoExposición no intencional a cannabis en niños en el marco de la regulación del mercado en Uruguay. Reporte de casos asistidos en el Departamento de Emergencia del Centro Hospitalario Pereira Rossell entre marzo y junio de 2017 índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Archivos de Pediatría del Uruguay

versión impresa ISSN 0004-0584versión On-line ISSN 1688-1249

Resumen

NOTEJANE, Martín et al. Evasão escolar nos adolescentes usuários dos centros de saúde Jardines del Hipódromo, Badano Repetto e Salvador Allende. Arch. Pediatr. Urug. [online]. 2018, vol.89, n.5, pp.320-328. ISSN 0004-0584.  http://dx.doi.org/10.31134/ap.89.5.4.

Introdução:

a evasão escolar de adolescentes do ensino médio é um problema socioeconômico e cultural. Existem poucos estudos nacionais que descrevam este tópico.

Objetivo:

conhecer os fatores relacionados com a evasão escolar em adolescentes de 12 a 19 anos usuários das policlínicas dos centros de saúde Jardines del Hipódromo, Badano Repetto e Centro Cívico Salvador Allende, entre 20 de agosto e 20 de setembro de 2017.

Metodologia:

estudo descritivo observacional feito através duma pesquisa anônima. Todos os adolescentes com idades entre 12 e 19 anos que frequentaram esses centros e abandonaram o sistema educacional foram incluídos. Variáveis: idade, sexo, último ano no sistema escolar, número de anos repetidos, motivos para a evasão, características do núcleo familiar, família e estímulo entre pares.

Resultados:

79% (64/81) dos adolescentes responderam. A média de idade foi de 17,2 anos (variação de 12 a 19 anos), sexo feminino 60,9% (39/64). 60,9% não completaram o ciclo básico. Os principais motivos de abandono escolar relatados foram a falta de interesse pessoal 43,8% (28/64), reprovação 42,2% (27/64) e falta de interesse nas disciplinas do ensino médio 32,80% (21/64). Eles relataram reprovar pelo menos um ano 14/27, 2 vezes 8/27. Razões de repetência relatadas: ausência 15/27, seguida de falta de interesse 6/27. 82,8% consideraram o estudo importante para seu futuro. 93,7% relataram ter de apoio familiar e 64,5% de seus pares.

Conclusão:

a maioria dos adolescentes pesquisados não completaram o ensino médio básico, e as principais causas de evasão escolar foram a falta de interesse pessoal e a repetência. O abandono de estudantes adolescentes é um problema multifatorial que requer uma abordagem interdisciplinar e interinstitucional.

Palabras clave : Adolescente; Abandono escolar; Ensino primário e secundário.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )