SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número2Diverticulitis de Meckel: a propósito de un caso clínico índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista Médica del Uruguay

versión impresa ISSN 0303-3295versión On-line ISSN 1688-0390

Resumen

RODRIGUEZ, Marcos A. et al. Denosumab, tratamiento alternativo en tumor óseo de células gigantes. Rev. Méd. Urug. [online]. 2017, vol.33, n.2, pp.180-191. ISSN 0303-3295.

Introdução:

o tumor de células gigantes ósseo (TOCG) é um tumor benigno, porém agressivo. Apresenta-se em jovens localizando-se na metáfise e epífise dos ossos; compõe-se de uma população celular estromal e outra multinucleada similar aos osteoclastos, donde se destaca a interação RANK-RANKL (receptor do ativador do fator nuclear kappa-B e seu ligando, respectivamente). O anticorpo monoclonal humano denosumab age inibindo especificamente o RANKL, evitando a formação e a activação de células multinucleadas. A bibliografia mostra que o denosumab tem resultados animadores como tratamento adjuvante de alguns TOCG, com planos terapêuticos com menor morbimortalidade que os utilizados antes da administração do anticorpo.

Material e método:

descreve-se a primeira experiencia terapêutica no Uruguai com dois pacientes com menos de 40 anos que consultaram por gonalgia de longa data, realizando-se diagnóstico de TOCG estádio III de Campanacci; realizou-se tratamento com denosumab de acordo com o protocolo e avaliando a resposta clínica, a imagenología, os efeitos adversos e a modificação no esquema terapêutico inicial.

Resultados:

evidenciou-se uma resposta clínica e na imagenología nos pacientes avaliados. Não se informaram efeitos adversos, sendo possivel preservar a articulação afetada.

Conclusões:

os resultados obtidos são animadores com relação ao uso terapêutico do denosumab nos pacientes selecionados. Isto permite considerar o denosumab como opção terapêutica para determinados pacientes com diagnóstico de TOCG.

Palabras clave : Neoplasias ósseas; Células gigantes; Denosumab.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )