SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número3Evaluación del equilibrio durante la marcha a velocidad autoseleccionada en jóvenes saludables, adultos mayores no caedores y adultos mayores con alto riesgo de caídasVasa previa: comunicación de un caso índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista Médica del Uruguay

versión On-line ISSN 1688-0390

Resumen

CUADRO, Rosario et al. Síndrome de Guillaín-Barré en el adulto: manifestaciones clínicas, analíticas y epidemiológicas de diez pacientes asistidos consecutivamente en un único centro. Rev. Méd. Urug. [online]. 2011, vol.27, n.3, pp.155-160. ISSN 1688-0390.

Resumo Introdução: a síndrome de Guillaín-Barré (SGB) é uma doença autoimune autolimitada e é considerada como a neuropatia aguda mais freqüente. Objetivo: descrever as características clínicas, analíticas e epidemiológicas de dez pacientes adultos com diagnóstico de síndrome de Guillaín-Barré. atendidos em forma consecutiva no período 2005 a 2009 em uma instituição de saúde. Material e métodos: foram estudados pacientes com diagnóstico de SGB. Fez-se uma revisão retrospectiva dos prontuários dos pacientes para obtenção dos dados epidemiológicos, clínicos, exames auxiliares e tratamento recibido. Resultados: sete pacientes eram do sexo masculino; a idade media no momento do diagnóstico era 43,3 ± 17,3 anos e o tempo entre o inicio dos sintomas e o diagnóstico foi de 13,6 ± 7,8 dias. Em 50% dos casos uma infecção foi o provável desencadeante. Todos os pacientes apresentaram compromisso espinal: motor 10/10, sensitivo 8/10 e neurovegetativo 1/10; quatro apresentaram compromisso craniano. Em oito pacientes se observou dissociação albumino-citológica no líquido cefalorraquidiano e os oito pacientes submetidos a estudo de neurocondução (ENC) mostraram alterações com predominância do padrão desmielinizante (6/8) sobre o axonal (2/8). Um subgrupo de pacientes foi positivo para anticorpos antigangliosideo e anticerebrosideo sem relação com a apresentação clínica, gravidade, evolução ou padrão do ENC. O tratamento foi realizado utilizando troca plasmática, imunoglobulina intravenosa ou a combinação de ambas. Não se observou correlação entre o tipo de tratamento usado e a evolução clínica na alta. Nove dos dez pacientes estavam recuperados no momento da alta hospitalar. Conclusões: as características clínicas, analíticas e epidemiológicas são similares as descritas em outras séries. Foram freqüentes os casos em que as infecções desencadearam a SGB. O tempo passado entre o inicio dos sintomas e o diagnóstico foi prolongado. As manifestações clínicas e o ENC foram ferramentas úteis para o diagnóstico mas não a pesquisa de anticorpos. Não se observaram diferenças entre os resultados obtidos e o tipo de tratamento recibido.

Palabras clave : GUILLAIN-BARRE SYNDROME; ADULT.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons